Ir para conteúdo

Fiat e Jeep definem novos cargos de comando global pós-Marchionne

mikemanley

A Fiat Chrysler Automobiles (FCA) divulgou internamente hoje sua nova estrutura de comando global, totalmente reorganizada após Mike Manley (foto acima) ter se tornado CEO em substituição ao falecido comandante Sergio Marchionne. O novo time tem o objetivo de cumprir as metas do plano de cinco anos estabelecido por Marchionne no primeiro semestre,  pouco antes de seu afastamento por doença em junho.

No Brasil, foi muito comemorada a nomeação do engenheiro carioca Richard Schwarzwald, de 49 anos, ao cargo de diretor glogal de qualidade. A nova organização contempla ainda o desligamento de Stefan Ketter, chefe global de manufatura, que entre 2015 e março deste ano comandou as operações da FCA no Brasil e na América Latina, até ser substituído por Antonio Filosa, o novo CEO.

Confira quem é quem na nova estrutura:

Tim Kuniskis, é o novo chefe da marca Jeep na América do Norte. Kuniskis. manterá seu papel como chefe global da Alfa Romeo. Não haverá um chefe global de Jeep.

Reid Bigland mais uma vez liderará a marca de utilitários Ram. Ele já comandou essa operação entre 2013 e 2014. Bigland manterá suas funções liderando as operações canadenses e vendas nos EUA.

Scott Garberding foi nomeado diretor global de manufatura. Garberding tem quase 30 anos de experiência industrial na FCA, incluindo a liderança na fabricação norte-americana e, mais recentemente, a liderança em qualidade global. Ele sucede Stefan Ketter, que até recentemente acumulava esse cargo com o de CEO da FCA no Brasil e América Latina. A empresa de robótica Comau e a empresa de fundição Teksid se reportarão a Garberding.

fca

Steve Beahm é novo chefe da Mopar na América do Norte, enquanto continua no cargo de chefe das marcas Chrysler, Dodge e Fiat na América do Norte.

Pietro Gorlier, ex-diretor de operações da divisão de componentes da FCA (Mopar), foi nomeado COO da região da Europa, Oriente Médio e África da empresa. Ele vai manter o papel de chefe da Mopar globalmente.

Ermanno Ferrari é o novo CEO da Magneti Marelli. Ferrari serviu mais recentemente como chefe da divisão de iluminação da Magneti Marelli, sua maior unidade de negócios. Ele se juntará ao Conselho Executivo do Grupo (GEC).

Harald Wester retornara à Maserati como COO. Anteriormente, ele liderou a marca italiana de agosto de 2008 a maio de 2016, quando Marchionne nomeou Kuniskis para liderar a Maserati e a Alfa Romeo globalmente. Wester manterá seu papel como diretor de tecnologia.

Richard Schwarzwald sucede Garberding como chefe global de qualidade. Mais recentemente, o executivo brasileiro liderou a organização de qualidade da FCA na América Latina e ocupou anteriormente posições de liderança sênior em diversos OEMs e fornecedores automotivos.

Mark Champine é o novo chefe de qualidade na América do Norte.

Geraldo Barra foi nomeado chefe de qualidade na América Latina.

ketter
Stefan Ketter, que comandou a FCA América Latina entre 2015 e março deste ano, deixa o Grupo

Glauco Lucena Ver tudo

Paulistano, nascido em 1967, é jornalista, com formação em Ciências Sociais e MBA em Gestão de Negócios. Desde 1990 atua no setor automotivo. Trabalhou por 24 anos em redações de jornais, revistas e sites, entre eles Autoesporte (Editora Globo), Jornal do Carro (Estadão) e Carsale (UOL).

Recentemente, dentro do Grupo FCA, foi um dos responsáveis pela comunicação da Jeep durante os 3 anos do processo de relançamento da marca no Brasil. Hoje, atua como colunista, consultor, gerador de conteúdo e influenciador digital na área automotiva.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: