Ir para conteúdo

BMW e Mercedes se unem para criar gigante da mobilidade

Duas das maiores empresas do setor automotivo da Alemanha querem unir forças para os novos desafios da mobilidade. O BMW Group e a Daimler AG (dona da Mercedes-Benz) acabam de divulgar um comunicado no qual se comprometem a sediar uma joint-venture de mobilidade global em Berlim. Os dois parceiros pretendem estabelecer essa nova empresa de inovação e mobilidade fora de suas respectivas estruturas organizacionais, ou seja, querem criar uma nova empresa, com total independência.

850_400_mercedes-ou-bmw
Ao mesmo tempo, a joint-venture posicionada globalmente manterá sua presença internacional como um fator de sucesso. “Nossa visão é criar um grande player global para serviços de mobilidade e de conectividade inteligente. Como um centro de criatividade e inovação, Berlim é exatamente o local certo para nossos planos ”, de acordo com Dieter Zetsche, presidente do Conselho de Administração da Daimler AG e chefe da Mercedes-Benz Cars.

SAIBA MAIS: Audi e Hyundai se unem para desenvolver tecnologia de carros elétricos
“O futuro da mobilidade está sendo moldado em grandes cidades como Berlim. Com o ecossistema que estamos planejando, criaremos soluções para a mobilidade urbana de amanhã: inteligentes, conectados e disponíveis ao toque de um dedo. Acreditamos que isso irá melhorar a qualidade de vida nas grandes cidades ”, explicou Harald Krüger, presidente do conselho de administração da BMW AG.

DriveNow ist ein Carsharing - Joint Venture der BMW Group und de
Serviço de compartilhamento DriveNow, hoje da BMW e Mini, será uma das várias bandeiras da nova joint-venture alemã

Juntos, BMW e Daimler pretendem expandir esse novo modelo de negócios de forma sustentável para permitir a rápida expansão global dos serviços. As duas empresas protocolam oficialmente a transação com a Comissão Européia. Ambos visam moldar a mobilidade do futuro, para que possam oferecer aos clientes experiências únicas e apoiar seus parceiros, como as cidades, na obtenção de mobilidade urbana sustentável. Ao apresentar o pedido à União Europeia, os parceiros aguardam a aprovação das entidades regulatórias do continente. A transação já foi protocolada com as autoridades responsáveis em vários países e, em alguns casos, já foi aprovada.

SAIBA MAIS: Onda de alianças revela momento desafiador para as montadoras

A joint-venture será 50% de cada companhia e irá atuar nas seguintes áreas:

1) Mobilidade Multimodal com as bandeiras Moovel e ReachNow

3) Ride-Hailing (como Uber) com Mytaxi, Chauffeur Privé, Clever Taxi e Beat

2) Compartilhamento com Car2Go e DriveNow

4) Estacionamento Inteligente com ParkNow e Parkmobile

5) Carregamento de elétricos com ChargeNow e Digital Charging Solutions

mercedes_bosch
Estacionamento automatizado também faz parte do cardápio do novo grupo de mobilidade

Glauco Lucena Ver tudo

Paulistano, nascido em 1967, é jornalista, com formação em Ciências Sociais e MBA em Gestão de Negócios. Desde 1990 atua no setor automotivo. Trabalhou por 24 anos em redações de jornais, revistas e sites, entre eles Autoesporte (Editora Globo), Jornal do Carro (Estadão) e Carsale (UOL).

Recentemente, dentro do Grupo FCA, foi um dos responsáveis pela comunicação da Jeep durante os 3 anos do processo de relançamento da marca no Brasil. Hoje, atua como colunista, consultor, gerador de conteúdo e influenciador digital na área automotiva.

Um comentário em “BMW e Mercedes se unem para criar gigante da mobilidade Deixe um comentário

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: