Anúncios
Ir para conteúdo

O que vale mais a pena: uma linha completa de SUVs ou uma gama de hatches e sedãs?

Volkswagen terá cinco SUVs, mais variedade do que de hatches e sedãs

Por GLAUCO LUCENA

Cinco SUVs até o início da próxima década! Em todos os eventos recentes da Volkswagen, esse mantra é repetido pelos principais executivos da marca. E isso ocorreu novamente ontem (3/4), durante o anúncio que conformou a produção do inédito T-Cross a partir de janeiro de 2019, com pré-estreia em outubro no Salão do Automóvel. Feito sobre a base da dupla Polo e Virtus, o modelo virá para colocar a VW na briga mais disputada do momento, a dos SUV compactos, hoje liderada pelo quarteto Honda HR-V, Nissan Kicks, Hyundai Creta e Jeep Renegade.

volkswagen_t_cross_breeze
Conceito T-Cross Breeze antecipa linhas do primeiro SUV nacional da VW. Obviamente, versão de produção terá quatro portas e traseira mais alta

O novo modelo é fruto de um investimento de R$ 2 bilhões na fábrica de São José dos Pinhais (PR). Você deve estar se perguntando: mas e os outros quatro SUVs? Dois já existem e em breve serão totalmente renovados: o médio Tiguan e o grandalhão Touareg. Isso indica que haverá espaço para outros dois modelos: um menor que o T-Cross, numa categoria inédita (para o lugar do CrossFox), e outro um pouco maior, para enfrentar o líder de vendas Jeep Compass.

Quem poderia imaginar que a VW, que chegou bastante atrasada a esse segmento, poderia montar em poucos anos uma gama com cinco tamanhos, numa ampla faixa de preços? Estaria ela exagerando na dose? Superestimando o potencial desse tipo de veículo? Na opinião deste blog, ela falhou na demora de percepção, mas foi rápida ao ver que essa onda está só começando.

Volkswagen-Tiguan_US-Version.jpg
Novo VW Tuguan chega este ano do México em versões de cinco e sete lugares

Pense em quantos hatches a VW tem hoje: Up, Gol, Fox, Polo e Golf. Cinco, e tudo indica que essa gama será enxugada para quatro, se tanto. A líder GM se vira muito bem com três hatches (as duas gerações do Onix e o Cruze). A Fiat tem três: Mobi, Uno e Argo. A Ford, três: Ka, Fiesta e Focus. Isso pensando apenas nas quatro marcas líderes do mercado nacional.

CONFIRA A ANÁLISE COMPLETA NO POST SEMANAL DO PORTAL IG CARROS

Anúncios

Glauco Lucena Ver tudo

Paulistano, nascido em 1967, é jornalista, com formação em Ciências Sociais e MBA em Gestão de Negócios. Desde 1990 atua no setor automotivo. Trabalhou por 24 anos em redações de jornais, revistas e sites, entre eles Autoesporte (Editora Globo), Jornal do Carro (Estadão) e Carsale (UOL).

Recentemente, dentro do Grupo FCA, foi um dos responsáveis pela comunicação da Jeep durante os 3 anos do processo de relançamento da marca no Brasil. Hoje, atua como colunista, consultor, gerador de conteúdo e influenciador digital na área automotiva.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: