Ir para conteúdo

Como será a briga das marcas premium este ano no Brasil?

Mercedes liderou em 2017 e se arma para não perder o posto este ano

Por GLAUCO LUCENA

No ano passado, a Mercedes-Benz aumentou sua vantagem em relação às rivais BMW e Audi, atingindo 0,7% de share geral de vendas, com relevantes 14.340 unidades emplacadas. Para manter o bom ritmo, vai trazer para o Salão do Automóvel deste ano o novo Classe A. Não mais um monovolume como aquele feito no Brasil nos anos 90, mas sim um sedã, que ocupará uma lacuna entre o CLA e o Classe C, com o claro objetivo de desafiar o Audi A3 Sedan.

Mercedes Classe A Sedan por enquanto só foi exibido como conceito

Por falar em Classe C, ele terá uma leve reestilização, bem como o luxuoso Classe S Maybach (ambos serão exibidos em março no Salão de Genebra). Já a picape de luxo Classe X ficará para a virada do ano. Com essas ações, dificilmente a Mercedes perde a briga das marcas premium este ano.

E a BMW? Quem disse que marca de luxo não sofre com a crise? A marca da Bavária havia crescido em 2016, mas recuou em 2017, com 0,5% de participação nas vendas de automóveis e comerciais leves. Foram 10.615 unidades vendidas no ano passado. Para recuperar o compasso, a aposta deste ano é o X2, que fará a ponte entre os crossovers X1 e X3. E ainda a nova geração do X3, ambos para este semestre. O X2 terá o mesmo 2.0 turbo de 192 cv do X1, com câmbio automatizado de sete marchas e dupla embreagem. Com esse duplo reforço, o viés é de leve alta para a BMW.

bmw_x2
BMW X2 será a maior novidade da marca alemã para o Brasil neste ano

A exemplo da BMW, a Audi viu encolher sua participação de mercado em 2017, emplacando 9.910 unidades (menos de 0,5%). Para este ano são aguardados modelos de cair o queixo, mas com baixos volumes de venda, como os novos RS3 (hatch e sedã), já à venda, o renovado sedã de alto luxo A8 (para o Salão do Automóvel) e algumas unidades do insano R8 Spyder V10 Plus no primeiro semestre. E ainda versões esportivas como RS3, RS4, RS5 Coupé, TT RS e SQ5. Os fãs da esportividade vão babar, mas nada capaz de fazer a marca das quatro argolas encostar nas rivais Mercedes e BMW em 2018. O modelos mais promissor é o totalmente novo A6, que será mostrado no Salão de Genebra e chega ao Brasil no Salão de São Paulo.

Espere também por muitas novidades de marcas premium como Land Rover, Volvo, Porsche e Jaguar. Uma das atrações mais aguardadas é o SUV XC40, da Volvo, previsto para abril. O Jaguar E-Pace, uma espécie de Evoque mais sofisticado, também deve arrebatar fãs endinheirados (custa R$ 280 mil), bem como a nova geração do Porsche Cayenne. O viés é de alta para esse seleto clube também.

jaguar_e-pace
Jagar E-Pace já está chegando, com preços a partir de R$ 280 mil

 

Glauco Lucena Ver tudo

Paulistano, nascido em 1967, é jornalista, com formação em Ciências Sociais e MBA em Gestão de Negócios. Desde 1990 atua no setor automotivo. Trabalhou por 24 anos em redações de jornais, revistas e sites, entre eles Autoesporte (Editora Globo), Jornal do Carro (Estadão) e Carsale (UOL).

Recentemente, dentro do Grupo FCA, foi um dos responsáveis pela comunicação da Jeep durante os 3 anos do processo de relançamento da marca no Brasil. Hoje, atua como colunista, consultor, gerador de conteúdo e influenciador digital na área automotiva.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: